Lançamento

Lançamento

coisas que aprendi

.Para saber mais CLIQUE aqui

Conversa do bebê Camelo

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Chorei, no domingo

Domingo passado amanheceu frio, porém brilhante em Maripá, Paraná.
Eram 7h30 e vi gente chegando de todos lados. Carros, mais carros e ônibus, muitos onibus. Eram dezenas de ônibus.
O salão do Centro de Eventos de Maripá começou a ser tomado de gente. 
Um incrível ambiente foi se formando e em pouco tempo estavam milhares de pessoas embebidas pela alegria de conviver.
Fui sendo tomado de uma maravilhosa sensação de bem estar junto àquela gente maravilhosa.
Pontualmente as 10h me foi dada a palavra.
Subi ao palco e vi uma cena indescritível. 
Gente de todos jeitos, de todas idades. Praticamente nao havia lugar vago no gigantesco salão.
Falei um pouco sobre a paz.
Paz era o que eu sentia em estar ali, feliz pela oportunidade.
Quanto eram 11h45 senti lágrima nos meus olhos. Todo aquele povo, com as mãos para cima cantava em alta voz:

A paz do mundo
Começa em mim
Se eu tenho amor,
Com certeza sou feliz
Se eu faço o bem ao meu irmão,
Tenho a grandeza dentro do meu coração
Chegou a hora da gente construir a paz
Ninguém suporta mais o desamor.


A música de Nando Cordel somada àquela imagem sublime de gente cantando sobre paz me emocionou. 
Chorei de emoção, de alegria, de esperança.
Oficialmente fui o palestrante. 
Na prática fui um aluno que aprendeu muito naquele dia.
Foi um dia histórico para meu coração.
Obrigado povo do Paraná por terem me presenteado com tamanha oportunidade.


                                                                                                            Vilnei